17Outubro2017

 

 

  

 

Segurança & Defesa

Portuguese English French German Italian Russian Spanish

Edição 127

Infantería de Marina colombiana: atualidade e perspectivas
O Cuerpo de Infantería de Marina da Armada Nacional de Colombia é um dos maiores do mundo, com um efetivo mais de 21.000 homens e mulheres. Entretanto, não possui o equipamento necessário para realizar operações de desembarque anfíbio que tenham importância estratégica. Isso se deve principalmente à sua orientação antissubversiva, produto do prolongado conflito interno que assolou a Colômbia e que exigiu a otimização dos investimentos e a orientação da força à segurança terrestre e fluvial frente a uma ameaça real, e não à projeção estratégica de poder para hipóteses que conflito que talvez nunca se materializem. 

S&D Entrevista: o Presidente da COPAC
Através de Ricardo Pereira Azevedo e Mário Roberto Vaz Carneiro, “Segurança & Defesa” entrevistou o Brigadeiro do Ar Márcio Bruno Bonotto, presidente da Comissão Coordenadora do Programa Aeronave de Combate (COPAC).

Formação de pilotos militares na Argentina
O artigo abaixo dá uma visão do atual sistema argentino para formação de pilotos militares, cobrindo as atividades e os problemas presentes, bem como os futuros.

Navios de Apoio Logístico: multiplicadores de força
Este artigo analisa a importância das unidades de apoio logístico móvel para a ampliação da capacidade oceânica de uma Marinha, com foco nos navios que são empregados para o reabastecimento no mar das unidades de combate de superfície que integram uma Esquadra.

SARP nas operações marítimas
O artigo que se segue dá uma panorâmica do cenário atual dos Sistemas de Aeronaves Remotamente Pilotadas (SARP) dedicados a operações em cenários marítimos.

E MAIS:

Avançando pelo labirinto: procedimentos de progressão em ambiente urbano por FOpEsp

Le Bourget 2017: poucas novidades, mas valeu

IMDS 2017: vitrine naval em São Petersburgo

O que deu errado?