23Maio2024

  
  

Segurança & Defesa

Portuguese English French German Italian Russian Spanish

Programa Fragatas Classe Tamandaré: primeiro corte de aço marca início da construção da segunda fragata

Foi realizado hoje (1/11), na thyssenkrupp Estaleiro Brasil Sul em Itajaí (SC), um evento interno para marcar o início do corte de aço do segundo navio da Classe Tamandaré, que será batizado de Fragata Jerônimo de Albuquerque - F201. A construção dessa embarcação seguirá em paralelo à edificação da Fragata “Tamandaré” - F200, cujo lançamento está previsto para ocorrer em meados de 2024.

Participaram do evento o Vice-Almirante Koga, da Marinha do Brasil; o Vice-Almirante Pontes Lima, da Empresa Gerencial de Projetos Navais (EMGEPRON); o CEO da Águas Azuis, Fernando Queiroz; o CEO da thyssenkrupp Estaleiro Brasil Sul, Holger Tepper, entre outros executivos das instituições envolvidas no Programa Fragatas Classe Tamandaré (PFCT). Cerca de 800 colaboradores que atuam no estaleiro também participaram da celebração, que marcou ainda os três anos do Programa.

Conduzido desde 2017 pela Marinha do Brasil, executado pela Águas Azuis e gerenciado pela EMGEPRON, o PFCT é o mais moderno e inovador projeto naval desenvolvido no país, prevendo a construção, em território nacional, de quatro navios de defesa de alta complexidade tecnológica. As embarcações devem atingir capacidade operacional para proteger as Águas Jurisdicionais Brasileiras (AJB), com transferência de tecnologia e o fomento à indústria local e construção naval no país. Prevê-se que o Programa, como um todo, possa gerar cerca de 2 mil empregos diretos e 6 mil indiretos (Fotos: thyssenkrupp Estaleiro Brasil Sul).