23Maio2024

  
  

Segurança & Defesa

Portuguese English French German Italian Russian Spanish

Programa de Desenvolvimento do Gripen F avança

O desenvolvimento do Gripen F está em pleno andamento, tanto na Suécia quanto no Brasil. Na Saab, em Linköping, os sistemas da aeronave estão sendo testados até seus limites no Life Support rig (Foto: Saab), instalado em uma câmara de alta altitude. 

Nesta fase de desenvolvimento do caça de dois lugares, os sistemas de oxigênio e anti-g estão sendo testados. O objetivo é identificar defeitos potenciais antes dos próximos testes de voo e verificar o funcionamento confiável e seguro do sistema, mesmo nas situações mais exigentes. Os testes asseguram que o sistema funcione em perfeitas condições para fornecer, entre outras coisas, ar respirável e proteção anti-gravidade para o piloto. Os testes são realizados num sistema de testes denominado Life Support rig, no qual são utilizados manequins conectados a simuladores respiratórios e outros sistemas. O oxigênio e o sistema anti-g usados são os mesmos que na aeronave real.

O Life Support rig é similar a uma aeronave real e o mais próximo que se pode chegar sem integração total. Na prática, a Saab já está “voando” o Gripen F, mas ainda sem o caça. O equipamento  foi inaugurado em 2018 para testar o Gripen E. Com o desenvolvimento do Gripen E em vias de ser concluído, este rig foi então modificado e desenvolvido para permitir também os testes atuais com o Gripen F.

Esta é a primeira vez que o Life Support rig é instalado na própria câmara de altitude da Saab, criando uma configuração única que permite aos engenheiros testar o sistema a uma altitude elevada simulada com pressão extremamente baixa.

Além dos testes do sistema de oxigênio e anti-g, o desenvolvimento do Gripen F está progredindo, de acordo com o planejado. O extenso trabalho de desenvolvimento da estrutura da aeronave conta com a participação da Embraer, Akaer e Saab. A entrega do Gripen F ao cliente brasileiro está prevista para 2025.